segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Nudismo / Naturismo no Brasil

Por Adam Batista

O nudismo no Brasil é um assunto complexo para o entendimento geral por alguns fatores observados. Ainda temos um grande preconceito no país pela diferença de pensamentos das pessoas e estranhamente não é diferente no meio nudista, ou se preferir, naturista. Algo que teoricamente deveria ser familiar e aceitar qualquer pessoa de bem a participar é cercado por alguns obstaculos. Salvo alguns casos, não vemos as tais familias convidando seus filhos e parentes para aderirem a este estilo de vida e sim apenas casais ou mulheres solteiras. Outro ponto é a faixa etaria. Cada vez menos jovens com menos de 30 anos frequentam lugares oficiais. Hoje em dia as pessoas estão se casando cada vez mais tarde e estar solteiro acaba sendo um grande problema. Até mesmo os jovens casais encontram barreiras para interagir com os "experientes". Dizem que isto ocorre pela diferença de pensamentos. Será? Existe um código de ética naturista que são apresentadas determinadas regras dizendo o que pode e não pode ser feito. Fica bem entendido que todas as pessoas são aceitas independente de raça, sexo, estado civil, idade ou qualquer diferença que tenha, desde que as regras sejam respeitadas. Regras estas que na verdade devem ser seguidas em todo lugar e não somente em areas naturistas, pois é o basico da educação de um cidadão de bem. Na verdade não é o que vemos. Os mesmos que defendem o codigo, o quebram ao exercer certos preconceitos. Claro que não podemos generalizar, pois existem muitas pessoas que realmente desejam e lutam por um naturismo para todos viverem em harmonia.
O brasileiro se acha mente aberta, mas na verdade é um pouco atrasado em certas coisas. Descendemos dos europeus e lá como muitas pessoas que tiveram a oportunidade de conhecer seu naturismo dizem que as coisas são totalmente diferentes. Aqui as pessoas não conseguem separar nudez de sexo. Pensam que se aquela pessoa está pelada é porque quer algum tipo de sexo ou é exibicionista. Estas pessoas acabam estragando o ambiente e muitas vezes se disfarçam de adeptos para tentar saciar suas vontades. Engana-se quem afirma que estas pessoas são as solteiras. É verdade que a maioria das pessoas que procuram os lugares naturistas são solteiros, e é verdade que tem bastante gente neste meio que tem segundas intenções, mas também sabemos que entre as pessoas que causam problemas são casais que buscam satisfazer suas fantasias nestes lugares e podemos ver também homens casados que por puro machismo nem se quer tenta apresentar a sua companheira o naturismo e ainda diz que ela que não quer participar. Não estou dizendo que pessoas que são adeptas do swing não devam participar. Pelo contrario. Todos são bem vindos, mas devem saber se comportar e é obvio que existem pessoas que são os dois e sabem respeitar o espaço que está. Isto é respeito pelo proximo.
Ligando no assunto anterior, vemos uma procupação dos tais naturistas "experientes" em saber sobre a vida particular alheia. Se a pessoa é jovem, solteira, homossexual, tem comunidade sobre sexo em sua pagina de relacionamento ou algo que esta pessoa encontre e que ache que está errado, já é motivo para taxa-lo de inapropriado para participar do naturismo. Detalhe: o que você faz em sua vida particular é problema seu e não tem nada no codigo de etica dizendo o que pode ou não ser feito em sua vida particular. 
Falando de internet, o que é isto que vem acontecendo hoje em dia? Não entendo muito o que é praticar naturismo na Webcam. Isto parece mais praticar exibicionismo. Naturismo não se pratica, simplesmente se vive. 
Imagine a cena: você está em sua casa, com seu messenger ligado e recebe um convite. Legal, pois sempre é bom nfazer amizades. A conversa flui muito bem, até que sem mais nem menos a pessoa que te adicionou pede para você ficar de pé. Ué...pra que??? Para ver você praticando naturismo. Mais heim???? Não entendí. 
Imagine outra cena: Você recebe o pedido de amizade, adiciona, a pessoa pede para ligar a camera, você liga e se depara com o que???? Ou com alguem sem cabeça, mostrando apenas o peito ou o pinto. Cada um é cada um, mas isto não é naturismo e pode causar problemas. Há relatos de pessoas que tem intenção em aderir ao nudismo e ao conseguir contatos para pedir informações são surpreendidos (as) por cenas assim.  O engraçado é que quando isto ocorre em area naturista virtual e dá para ser corrigido, sempre aparece um em defesa dos direitos destas pessoas. E os agredidos?? Simplesmente perdem a vontade, pois o encanto se quebra.
Temos no Brasil a Federação Brasileira de Naturismo, entidade séria que trabalha e muito para o crescimento com qualidade do estilo de vida naturista em nosso país, mas é obvio que no meio de pessoas boas existam pessoas que procuram interesses individuais e as coisas as vezes acabam demorando um pouco mais do que deveria, mas não devemos ofuscar o merito de quem faz acontecer. Se não fossem as pessoas que fizeram e que ainda fazem, não existiria mais naturismo aqui no nosso país. Mas não vamos confundir as coisas, pois existem pessoas que são estrelas. Acham que são ou que foram alguma coisa.
Que fique registrado aqui às pessoas que pretendem conhecer o nudismo que antes de entrar, pesquisem bem, procurem, perguntem, não acreditem em tudo, visitem, conversem com a Federação Brasileira de Naturismo que certamente serão bem orientados  e cuidado com quem adicionam em suas vidas. As vezes as pessoas não são o que aparentam e isto serve para todos os ambientes: no naturismo, na internet, trabalho e até em sua vida pessoal.
Uma coisa é certa: para sabermos como as coisas são, temos que conhecer e para isto tem que ter opinião e meter a cara, além de ter carater.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui. O que acha de meu blog e deste post?